Amanda Magalhães dá o recado no clipe de “Vai Ouvir”

Um dos nomes promissores da música para 2019, Amanda Magalhães lança no dia 21 de fevereiro (quinta-feira) o single e videoclipe “Vai Ouvir”, pelo selo Boia Fria Produções e distribuição da Warner Music Brasil. Depois de construir seu próprio ocidente zen em “Fazer Valer”, quando uniu o pop e o rap em seu trabalho de estreia, com participação de Rincon Sapiência, em “Vai Ouvir” a artista flerta com o gipsy jazz e aborda questões do universo feminino de maneira direta e divertida.

Além de cantora, compositora e atriz, Amanda também assina a produção musical de seu trabalho. Filha do produtor e arranjador William Magalhães (Banda Black Rio) e neta de Oberdan Magalhães, saxofonista que fundou a BBR em 1976, a artista cresceu em um ambiente repleto de música onde foi intensa a influência da música negra, especialmente o funk, o soul, o jazz e o samba.

Inspirada nas batidas Bollywoodianas e na latinidade das frases de metais, em samples e walking bass à la “Hit the road, Jack” – segundo a artista, referência presente no processo de criação – Amanda alcança uma sonoridade étnica e miscigenada na música, proporcionando um encontro entre jazz e pop. No single, Amanda faz referências à tragédia feminina do abandono, citando Joana e Jasão, alusão à peça “Gota D’água”, releitura contemporânea de Chico Buarque e Paulo Pontes para a obra grega clássica de Eurípedes sobre o mito de Medeia.

Com a aproximação do Carnaval em um país que detém uma das maiores taxas de feminicídio do mundo, é urgente e necessário falar sobre o respeito às mulheres e o direito de ir e vir quando e como bem entenderem. Em “Vai Ouvir”, por mais sério que seja o assunto, Amanda Magalhães aproveita para abordar, com sarcasmo, o universo machista com a firmeza de ser uma mulher segura de si e dona de suas próprias escolhas. Na música, a artista se dirige a um rapaz prepotente e falador, que acredita estar dominando a situação, mas que na verdade ignora que a decisão cabe apenas a ela. “Todas nós tivemos nossas experiências com homens tóxicos, castradores. Isso é muito sério. Mas fato é que alguns homens, por mais perversos que possam ser, também podem ser risíveis quando se tornam tão pequenos. Vai ouvir é sobre uma experiência minha com um cara desses.”, contextualiza Amanda.

Fruto da parceria entre a Boia Fria Produções e a Balcão Filmes, o videoclipe “Vai Ouvir” tem direção de Caio Carvalho (Néctar) e foi gravado na Zona Oeste de São Paulo. Numa narrativa construída em planos sequência, as imagens reforçam a leveza por meio das cores quentes, acompanhando a artista, que, de maneira divertida e irônica, ao mesmo tempo em que canta com um megafone em punhos para todos escutarem, interage com a cidade.

Veja o clipe de “Vai Ouvir”: