Conheça as apostas da Warner Music Brasil para 2020

O ano de 2019 chegou ao fim e com ele, um saldo de muitos lançamentos bem-sucedidos invadiu as plataformas de streaming e rádios do Brasil. E, já ansioso para as novidades de 2020, o mercado fonográfico começa a lançar as apostas para o novo ano. Pensando nisso, a Warner Music Brasil reuniu alguns nomes que certamente ganharão espaço nas playlists do público, bem como artistas que merecem ficar no radar de todos. Eles já conquistaram feitos incríveis este ano e preparam um novo ciclo impactante.

Nacionais:

Elana Dara

  • curitibana de 19 anos, Elana Dara assinou contrato com a companhia neste mês de dezembro
  • dona de uma voz forte, além de ser compositora e desenhista de mão cheia, há pouco mais de um ano lançou o primeiro vídeo no YouTube, daí pra frente, foram vários vídeos e um crescimento vertiginoso. Hoje, o canal da artista soma mais de 360 mil inscritos e os vídeos, mais de 22 milhões de visualizações
  • o canto, acompanhado do violão, são os sons protagonistas das faixas da artistas que, com o tempo, moldaram e revelaram uma fusão única de estilos que passarem entre a MPB, pop, rap e R&B

Samantha Machado

  • na música desde 2015, a artista amplamente conhecida no cenário eletrônico, assinou com a Warner Music Brasil em outubro deste ano e amplia, nesta nova fase, os horizontes musicais, sem se ater a um único gênero
  • com 1 milhão de ouvintes mensais no Spotify, a artista liberou uma nova versão da conhecida “Nunca Vai Mudar”, agora, com as rimas do francês Thibaud e numa versão acústica, que dispensa as batidas eletrônicas
  • para 2020 a artista já anunciou um álbum, “MVLTIFVCETVDV EM LVPIDVCVO CONSTVNTE” (a.k.a. Multifacetada em Lapidação Constante), em parceria com a companhia. O projeto será dividido em três volumes e o primeiro deles, com cinco faixas, estará disponível em todas as plataformas digitais antecipadamente no próximo dia 20/12

2STRANGE

  • união inusitada de Brasil, Estados Unidos e Itália, o duo 2STRANGE é o resultado da mais nova aposta rap do mercado fonográfico nacional
  • Dani Boy e Bobby Banks, 20 e 22 anos respectivamente, assinaram com a Warner Music Brasil no final de 2018 e começaram os lançamentos em parceria com a companhia neste ano, o mais recente, “Seu Olhar”, traz produção assinada por Papatinho, um dos principais beatmakers do país
  • os músicos colaboraram com Alok na inusitada faixa “Baianá”, que já acumula mais de 14 milhões de streams apenas no Spotify. A faixa foi tema do Brasil na Copa do Mundo de 2018
  • com Potifexx, o duo gravou “Devotion”, com quase 2 milhões de plays nas plataformas digitais

Lua

  • carioca de 20 anos, a artista dá os primeiros passos em uma carreira já promissora
  • influenciada por elementos terrenos e pelo universo, a artista entrega uma lírica afiada, moderna, original e cosmopolita ao unir o pop urbano e o hip hop
  • recentemente, estreou o single “Dali & Kali”, com beats do renomado produtor Papatinho, que chega na próxima sexta-feira, dia 13/12, novamente, agora, em formato de single duplo, acompanhada da faixa “Resiliência”, que ganhará também clipe inédito

Nick Cruz

  • cantor, compositor e multi-instrumentista (violão, baixo e pandeiro), o artista assinou contrato com a Warner Music Brasil em meio ao Rock in Rio 2019
  • o artista fez pocket show exclusivo durante as ações da companhia no stand montado em parceria com a Mix FM
  • com 21 anos, o músico que começou “brincando” com o violão, aprendendo as melodias de ouvido, em 2018 se lançou de vez no mercado fonográfico e, posteriormente, lançou a autoral “Me Sinto Bem”, com 400 mil visualizações orgânicas no clipe lançado neste ano

Kayky

  • aposta do pop nacional, Kayky celebra os lançamentos com a Warner Music Brasil desde a assinatura do contrato com a companhia, em janeiro de 2019
  • “Vrau e Tchau”, feat com PK contabiliza mais de 1 milhão de streams apenas no Spotify, “Nós Dois”, com a cantora Lorena Simpson bateu a marca dos 400 mil views no clipe
  • compositor, é responsável por faixas de sucesso nas vozes de Kevinho, Dani Russo, Simone & Simaria e Anitta. A mais conhecida delas, “Loka” (Simone & Simaria ft. Anitta) ganhou o Prêmio Multishow na categoria “Música Chiclete”
  • São mais de 280 mil seguidores no Instagram, mais de 14 mil seguidores no Facebook, mais de 15 milhões de visualizações no YouTube e mais de 218 mil inscritos na plataforma

Internacionais:

Ali Gatie

  • criado em Toronto, no Canadá, com descendência iraquiana, Ali Gatie, 22 anos, ascendeu silenciosamente no mercado trazendo ao público sua voz singular. Hoje, o artista contabiliza mais de meio bilhão de streams globais
  • em dois anos, desde o primeiro lançamento, o artista acumulou streams impressionantes, ultrapassando a marca de 758 milhões. Antes disso, “Moonlight” também apresentou número surpreendentes, chegando a 112 milhões de plays globais. “It´s You”, single certificado Platina no Brasil, que antecipou o primeiro álbum da carreira, “YOU”, contabilizou 2,5 milhões de streams em apenas 24 horas – número comparável com feitos de mesmo tempo por Drake e Ariana Grande, atualmente, a faixa é certificada Gold RIAA no Estados Unidos e destaque por 13 semanas no chart Billboard Hot 100
  • certificado Platina no Canadá e Austrália; certificado Ouro nos Estados Unidos, Holanda, Suécia, Irlanda, Finlândia, Suíça, Nova Zelândia e Noruega, o artista já começa a aparecer nos charts do Brasil
  • atualmente, trabalha o primeiro álbum da carreira “YOU”, projeto mais sensível e honesto já divulgado, que destila grooves de R&B

Don Toliver

  • o artista ganhou notoriedade no cenário em 2018, com o destaque na faixa de Travis Scott, certificada Platina, “Can´t Say”, lançada no álbum “Astroworld”. O projeto rendeu à Scott uma nomeação ao Grammy Award e à Don Toliver o convite para uma apresentação no primeiro “Astroworld Festival”, organizado por Travis, em Huston, Estados Unidos. Na sequência, Toliver foi convidado para a turnê “Astroworld”, que passou por diversos países também no ano passado
  • criado na cena trap-n-B, o artista chama atenção global atualmente com o single “No Idea”, faixa que chegou acompanhada de clipe inédito e que começou a dominar o mundo ao invadir o Tik Tok
  • extrapolando as barreiras do aplicativo, a faixa entrou no chart Viral Global, do Spotify, o cupando a posição de número nove
  • na mesma plataforma, a faixa está próxima do TOP 100 Global. Na Apple Music e no Shazam, “No Idea” é TOP 30 nas listas Globais

Faouzia

  • cantora, compositora e multi-instrumentista trilíngue, de 19 anos, Faouzia molda sua música na herança marroquina e nas memórias de infância no Canadá
  • novo nome da cena pop, Faouzia tem mais de uma década de estudos de piano clássico e, na sua música, colide as culturas, épocas e estilos. Em apenas um mês, nas redes socais a artista cresceu mais de 30% em número de seguidos
  • de acordo com o Spotify, o Brasil é o 11º país que mais ouviu a música da cantora no último ano

Sub Urban

  • Danny Maisonneuve, 19 anos, conhecido no mercado fonográfico como Sub Uban é cantor, compositor e produtor, nascido em Nova Iorque, o artista cresceu no subúrbio de Nova Jersey, Estados Unidos, começou a carreira aos 15 anos, produzindo música
  • em 2016, o artista deixou o colégio para dedicar-se 100% à música, dedicando-se à construir um portfólio de demos que, apenas dois anos depois mostrariam suas habilidades
  • “Cradles” foi uma das primeiras músicas divulgadas pelo artista, hoje é a segunda faixa mais reproduzida do TikTok, sendo incluída em mais de 1 bilhão de vídeos. A faixa está no TOP 5 “Used Songs” da plataforma
  • diariamente, “Cradles” aponta crescimento de 425 mil streams. O vídeo da faixa chegou a 4 milhões de visualizações com uma semana de lançamento
  • Sub Urban mostrou todas as habilidade de direção criativa no registro de “Cradles”, que entrou no chart Vira do Sportify em 54 países e TOP 10 da mesma plataforma em 29 praças, sendo número 1 no Reino Unido, Nova Zelândia, Noruega, Finlândia e outros

AB6ix

  • maior grupo estreante da cena k-pop de 2019, o AB61X lançou o primeiro álbum, “6IXENSE”, este ano. O single do projeto, “Blind For Love”, chegou acompanhado de clipe inédito que já bate mais de 10,9 milhões de visualizações
  • “6IXENSE” conquistou a posição número um de álbuns em quatro países no iTunes, com o projeto, a banda entrou no chart Viral 50 em 10 países, está no TOP 200 da mesma plataforma em quatro países e no TOP 50 da Apple Music em quatro países
  • ao todo, são 58 milhões de streams apenas na China, 13,3 milhões de streams apenas no Spotify e 7,2 milhões de plas na Apple Music
  • os músicos venderam 200 mil cópias físicas em todo o mundo e estiveram em tour por dez cidades: Seoul, Nova Iorque, Tokyo, Singapura, Bangkok, Taipei, Los Angeles, Sapporo, Hong Kong e Osaka
  • em “Hollywood”, são mais 7,5 milhões de visualizações, em “Breathe”, mais de 10 milhões de views

Why Don’t We

  • reunindo mais de 1,2 bilhão de streams globais, 4,1 milhões de seguidores no Instagram e visualizações totais do YouTube que ultrapassam a marca de 480 milhões, com mais de 3,1 milhões de inscritos em menos de três anos de carreira, Why Don’t We se tornou uma das maiores bandas da história da música pop
  • o jovem quinteto, com integrantes entre 18 e 21 anos, lançou cinco EPs em menos de 12 meses. Why Don’t We é composto por: Daniel Seavey, Zach Herron, Corbyn Besson, Jonah Marais e Jack Avery
  • juntos, apenas em 2019, lançaram nove singles, entre eles, os sucessos: “What Am I”, I Don´t Belong In This Club” feat. Macklemore, “Come To Brazil”, “Unbelivable”, “Big Plans”
  • conquistaram o prêmio de “Choice Music Group”, do aclamado Teen Choice Award de 2019, além disso, a banda foi indicada na categoria “Best Group” no MTV Video Music Wards deste ano
  • “8 Letters” é o single TOP 20 dos músicos, certificado ouro pela RIAA. Sozinha, a faixa representa 204 milhões de plays dos mais de 1,2 bilhões de streams globais da banda
  • o último clipe da banda, “What Am I” contabiliza mais de 13,8 milhões de visualizações no clipe
%d blogueiros gostam disto: