Em parceria com o artista português Murais, Bemti lança videoclipe de “Do Outro Lado”

Bemti lançou nesta terça-feira, dia 15, o clipe de “Do Outro Lado (Mantra Tornado Grito)”, música que tem participação do português Murais e é uma parceria de composição entre Bemti, Murais e o pernambucano Barro. A faixa faz parte do disco “Logo Ali” (Natura Musical), escolhido pela APCA como um dos melhores álbuns de 2021 e que já ultrapassou meio milhão de plays apenas no Spotify. “Logo Ali” sairá em vinil (nas cores laranja translúcido e preto) pelo selo Bolachão Discos com pré-venda prevista para começar no dia 20 de março.

Nesse mesmo dia 15, às 21h será transmitido no YouTube o show inédito do disco “Logo Ali”, onde o artista toca com a banda formada por Bianca Predieri (bateria e bases), Kinda Assis (viola) e Lucas Gonçalves (baixo e backing vocals).

Parceiro do mineiro em “Do Outro Lado”, Murais (Hélio Morais) é membro da emblemática banda portuguesa Linda Martini, uma das atrações do Rock in Rio Lisboa deste ano, entre outros grandes festivais europeus. Seu primeiro disco solo foi lançado no último ano com produção de Benke Ferraz (Boogarins). Além de Murais o disco “Logo Ali” conta com as participações especiais de Fernanda Takai, Jaloo, Josyara e ÀVUÀ, entre diversos outros colaboradores.

“Do Outro Lado” é a quinta faixa do disco “Logo Ali” a se tornar single e ganhar videoclipe. A direção é assinada pela dupla Couple of Things, formada por Diana Boccara e Léo Longo, conhecidos por projetos como o “Volta ao Mundo em 80 Videoclipes” e o programa “Videoclipers” do Canal Bis. O videoclipe é formado por três planos-sequência, especialidade da dupla Diana e Léo. Já a finalização é assinada por Rodrigo de Carvalho, diretor de clipes como “Onda” de MC Tha e Jaloo e “O Corre” de Jup do Bairro.

“A narrativa do clipe sugere uma passagem entre mundos, épocas, consciências… acho que cada pessoa vai interpretar de uma forma. A letra da música é muito clara sobre essa sensação de aguentar determinadas jornadas e a dúvida sobre o que há do outro lado delas, algo que todos nós sentimos especialmente nesses últimos dois anos. Esse ‘outro lado’ pode ser só uma fase difícil, a própria vida, esse oceano que separa minha realidade brasileira da realidade portuguesa do Murais… O roteiro foi criado em conjunto por mim, pela Diana e o Léo, e essa ‘porta mágica’ é um portal entre as diferentes camadas que estão dentro do clipe e da música”, conta Bemti.

O disco “Logo Ali” tem produção musical de Luis Calil (Cambriana) e Pedro Altério (5 a Seco). A faixa “Do Outro Lado (Mantra Tornado Grito)” tem co-produção de Jojô, produtor e musicista que trabalha com nomes como Tagua Tagua, Johnny Hooker e Filipe Catto. O arranjo também conta com a violista Kinda Assis, responsável por alguns dos arranjos de corda do disco. A sonoridade do álbum segue marcada pela viola caipira de 10 cordas, instrumento “de alma” de Bemti e base de todas as músicas.

Sobre “Do Outro Lado”, Bemti conta: “É talvez a faixa mais grandiosa do “Logo Ali”, que é um disco muito ambicioso sonoramente. Com essa música eu queria explorar áreas que eu não tinha explorado antes, seja no trecho em spoken word, nas escolhas do arranjo, no tema, na parceria com alguém de outro país… foi a última música a entrar oficialmente no álbum, mas começou a ser composta por mim e pelo Barro na primeira semana da pandemia em Recife: logo depois que fiz um show por lá que acabou sendo o último de 2020. Só concluí a música em abril de 2021 quando chamei o Murais pra participar e ele compôs a parte que ele canta”.

Bemti foi selecionado pelo edital Natura Musical, por meio da lei estadual de incentivo à cultura de Minas Gerais (LEIC), ao lado de Luiza Brina, Pássaro Vivo, aocoral, Mostra Negras Autoras e Casa Poça, por exemplo. No Estado, a plataforma já ofereceu recursos para mais de 140 projetos de música até 2020, como Bemti, Fernanda Takai, Lô Borges e Meninos de Araçuaí.

“O futuro que queremos construir é coletivo. Ele passa por momentos de tensão, mas, com a música, somos capazes de chegar a um lugar comum, respeitando a diversidade. Os artistas, bandas e projetos de fomento à cena selecionados por Natura Musical trazem a mensagem de que o futuro pode ser mais bonito com a música e com o envolvimento de cada um de nós”, afirma Fernanda Paiva, Head of Global Cultural Branding.

%d blogueiros gostam disto: