Encontro interdimensional culmina no novo grupo Paradise Guerrilla, que lança o seu single de estreia, “Another Galaxy”

O Paradise Guerrilla é resultado do encontro de dois seres interdimensionais (Frankstation e U.F.O.) e uma terráquea (Starlight). Juntos, por meio da música, eles dão início a uma jornada pelos mistérios da humanidade. O ponto de partida do trio é o single de estreia “Another Galaxy”, que chegou dia 10 de março às plataformas de streaming. A faixa apresenta a proposta sonora da nova banda, que parte do pop, mas não se limita ao gênero, utilizando-se de recursos imagéticos, líricos e texturas para construir uma identidade própria. O conceito foi condensado no videoclipe da canção, já disponível no canal de YouTube.

“Os seres interdimensionais vêm de um planeta chamado Synthaxis, situado em uma galáxia na realidade da 5ª Dimensão. Lá, a manipulação de frequências e a criação de música é um fator dominante na vida dos habitantes originários, que alcançaram a vida em harmonia – desconhecendo fronteiras e qualquer tipo de discriminação e desigualdade social”, conceitua Starlight. “O significado metafórico das criaturas é baseado no potencial sutil dos seres humanos, nos atributos que só se manifestam com um minucioso auto-exame interior”, completa ela.

O primeiro contato com este universo criado pelo grupo acontece por meio de “Another Galaxy”, single pensado como uma representação do encontro entre Frankstation, U.F.O. e Starlight. “Essa faixa descreve, em termos líricos, os detalhes dessa conjunção e, sonoramente, é uma síntese das nossas influências: de David Bowie a The Weeknd, trazendo um pouco de pop, eletrônico, rock alternativo dos anos 60 e 70, além do funk clássico americano”, resume Starlight.

Para embalar a narrativa proposta, o grupo utiliza sonoridades geradas a partir de aparelhos e instrumentos analógicos, como moogs, sintetizadores e drum machines, adicionando uma finalização “Hi-End” no que refere à produção , mixagem e masterização. “Temos como objetivo propor o desejo por um mundo utópico, que se torna potencialmente possível quando encontramos as pessoas certas para manifestar nossos verdadeiros propósitos”, finaliza a vocalista.

%d blogueiros gostam disto: