Fabricio Boliveira, Barbara Colen e Eryk Rocha participam de live da Globo Filmes

BREVE MIRAGEM DE SOL_BurningNight_FilmPhoto02_MiguelVassy
Foto: Miguel Vassy

Vencedor de três prêmios no Festival do Rio 2019, “Breve Miragem de Sol” (Burning Night), oitavo longa de Eryk Rocha (Transeunte, Campo de Jogo, Cinema Novo) será o tema da próxima live no instagram da Globo Filmes, na próxima quinta, 25 de junho, às 18h. O diretor conversará com os protagonistas Fabricio Boliveira e Barbara Colen. Coprodução entre Brasil, França e Argentina, o filme já foi lançado recentemente em território argentino , na plataforma de streaming Cine Ar, onde já foi visto por mais de 25 mil espectadores.

Rodado no Rio de Janeiro, “Breve Miragem de Sol” conta história de Paulo (Boliveira), um homem que busca se reinventar após ficar desempregado e começa a dirigir um taxi nas noites cariocas. Enquanto enfrenta este recomeço e luta para dar sustento a seu filho Mateus (Cadu N. Jay), conhece a enfermeira Karina (Barbara Colen), uma de suas passageiras. O longa é uma produção Aruac Filmes, Tu Vas Voir e Varsovia Filmes, em coprodução com a Globo Filmes, VideoFilmes e Canal Brasil.

O longa arrematou três prêmios no Festival do Rio: Melhor Fotografia, Melhor Montagem e Melhor Ator para Fabricio Boliveira. “Breve Miragem de Sol” teve estreia mundial no BFI Festival de Cinema de Londres, também foi exibido no Festival de Cinema de Gotemburgo, na Suécia, e na 43ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo. Participou da Mostra Competitiva Nacional do XV Panorama Internacional Coisa de Cinema, na Bahia, e venceu o prêmio Indie Lisboa, o que garantiu a exibição na próxima edição festival homônimo, que está previsto para agosto, em Portugal. Além disso, participou do X Festival Pachamama, no Acre, onde recebeu o prêmio de Melhor Diretor.

Após rodar por festivais, o longa estreou na Argentina, direto no streaming, com boa recepção dos críticos. Javier Porta Fuoz do jornal La Nacion destacou que o longa tem “força documental tremenda e dilacerante.” Já o crítico Pablo O. Scholz do Clarin disse que “‘Miragem’ é um drama social potente”.

SINOPSE: Breve Miragem de Sol conta a história de Paulo (40), um homem desempregado e recém divorciado que começa a dirigir um táxi pelas noites do Rio de Janeiro. Carregando uma dívida com seu filho, Mateus (10), ele encontra no novo trabalho a chance de um recomeço. Conforme Paulo aprende a coreografia da nova profissão, a solução aparentemente provisória se solidifica como momento presente, e noite após noite, conversas com os passageiros misturam-se às de sua vida. Karina, enfermeira de um hospital público, surge na vida de Paulo como um respiro de amor e luta. Assim como ela, cada passageiro possui um destino diferente, mas ao fim é sempre Paulo que está no comando do volante, tecendo uma grande narrativa sobre um país em convulsão política, econômica e social.

%d blogueiros gostam disto: