Menina Mulher: Agnes Nunes apresenta sua história e período de transformação no primeiro álbum da carreira

Marcando um novo momento de carreira para Agnes Nunes, o álbum “Menina Mulher” mostra a transição da jovem cantora, no seu amadurecimento de menina para mulher. Seu primeiro álbum chegou às plataformas de streaming nesta sexta-feira (28) e apresenta a sua essência e história, com elementos de suavidade e ao mesmo tempo cheios de potência.

Autora de inúmeros sucessos e de uma voz marcante, Agnes conta que o álbum foi pensado com amor e planejado por muito tempo para trazer a essência dessa nova etapa de sua vida. “Estou muito ansiosa e animada. Esse álbum é muito especial pra mim, faz bastante tempo que eu tô trabalhando nele, que eu me recolhi pra pensar inteiramente nessa coletânea. Ele conta sobre essa transição que eu tenho passado, da menina para a mulher. Eu tô com 19 anos, então tenho vivenciado muitas coisas que me fizeram e estão me fazendo amadurecer muito.”, conta Nunes.

Episódios pessoais como aceitação de seu cabelo crespo, autoestima e amor-próprio, estão presentes no álbum, através de canções cheias de mergulhos introspectivos. A música “Papel Crepom” chega como o single do álbum e conta sobre essas fases que Agnes passou, percorrendo a adolescência e agora como adulta. Essa canção é a única faixa não autoral de “Menina Mulher”, sendo uma composição de Túlio Dek que tomou sua forma final somada a letra ao talento de Agnes Nunes.

Agnes traz em cada faixa do álbum uma mensagem sobre amores, partidas, inspirações, aprendizados, em melodias românticas, que misturam o jazz, o R&B, a MPB e o pop. “Tenho 19 anos e tenho vivenciado muitas coisas que me fizeram e estão me fazendo amadurecer muito. Fiz esse álbum baseado nessa evolução, nesse amadurecimento na forma de olhar o mundo”, finaliza Agnes.

O álbum “Menina Mulher” é divulgado com selo Bagua Records e conta com duas gerações de produtores musicais, Neobeats e Alexandre Kassin.

Agnes tem mais de 1,3 milhões de ouvintes mensais no Spotify, quase 700 mil inscritos no canal Youtube e 2,6 milhões de seguidores no Instagram.

Confira a tracklist do álbum:
1. Intro

2. Mais sincero

3. Cabelo bagunçado  

4. Oração 

5. Vish

6. Amanhecer

7. Grinalda 

8. Papel Crepom

9. Última Dança 

10. Menina Mulher

Faixa a Faixa de “Menina Mulher”
1. Intro – Nessa primeira parte é uma apresentação e introdução breve sobre a conversa entre a menina e a mulher que se desenrola numa história ligada pelos sentimentos de ambas sobre o amor, as expectativas e a vida percebida pelo olhar de cada uma delas “Menina Mulher”.

2. Mais Sincero – Aqui, Agnes fala sobre a expectativa que a menina tem em relação ao relacionamento. O ponto de vista que a menina tem em relação a pessoa amada, ainda com olhar de menina em relação ao “amor”: puro, fervoroso.

3. Cabelo Bagunçado – A música mostra a fase do encantamento, quem se ama é admirado pela “menina”.

4. Oração – A letra mostra o momento em que a menina reza e pede para não ser machucada, com o “coração ainda frágil” e talvez com medo por estar de fato conhecendo o amor.

5. Vish – Aqui, Agnes fala sobre quando a menina se vê insistindo em escrever e em pensar somente na mesma pessoa, que já ocupa todos os seus pensamentos).

6. Diga Que Não Sente Nada – Nessa faixa a menina já está despertando para a mulher… vendo que talvez não seja tão fácil assim, pois já não se trata mais só dela, e sim da reciprocidade, da entrega da outra pessoa também.

7. Grinalda – Nessa canção a “Menina Mulher” já vê seu futuro sendo construído ao lado da pessoa.

8. Papel Crepom – Aqui é um momento de conturbação, longe da família, longe de tudo, ela se questiona sobre o que de fato é o “amor”.

9. Última Dança –  Agnes fala que apesar de querer ficar, a “mulher” já não vê amor e relacionamento como uma necessidade, tem outras prioridades, e quer sair dali, quer ir atrás de si mesma, então deixa ir.

10. Menina Mulher – Nesta última canção aparece o diálogo entre as duas versões de “Menina Mulher”, quando a menina manda um recado para a mulher e vice-versa.

%d blogueiros gostam disto: