Advogado chama atenção na web ao ensinar Direito usando referências do mundo pop

Lucas Podenciano (Aprendendo Direito)_Easy-Resize.com
Advogado faz paródia com a novela Rebelde em aula de Direito. Foto: Reprodução

O advogado Lucas Podenciano, de Santa Fé do Sul, interior de São Paulo, tem chamado a atenção na web ao dar aulas de Direito usando como referências personagens e personalidades do mundo pop, como o grupo RBD, Chaves, Chapolin, a novela Carrossel e o DJ Pedro Sampaio. As aulas são ministradas em escolas públicas de Santa Fé do Sul por meio do projeto “Aprendendo Direito”. O advogado, de 25 anos, se formou em 2016 no Centro Universitário Unifunec.

Confira aula sobre Constituição com paródia do DJ Pedro Sampaio:

“Antes de me formar e passar no exame da OAB, trabalhava como monitor de informática em uma escola municipal da minha cidade. Um dia, quando comecei estudar para a prova da ordem, levei meu Vade Mecum para a escola, e um aluno curioso pelo tamanho do livro veio me perguntar o que tinha de tão importante nele. No mesmo momento, refleti comigo mesmo, como minha vida teria sido melhor e diferente se eu tivesse pelo menos noção de algumas leis quando eu era adolescente”, conta.

“Logo em seguida procurei a diretora do colégio e pedi permissão para desenvolver um projeto na escola em que eu ensinasse direito para os adolescentes. Logo no início, percebi o quanto seria difícil chamar atenção deles, pois já é difícil chamar a atenção de um adulto para aprender leis, imagina de adolescentes. Comecei a criar paródias, dinâmicas e outras coisas interligadas com o mundo teen que pudesse deixar aquilo mais divertido de aprender. E não só aprender, mas que eles tivessem a oportunidade de vivenciar o Direito, pois de nada adianta a gente saber o que está na legislação se não aplicarmos aquilo no nosso dia a dia. Prova disso é a quantidade de pessoas que tem conhecimento da Lei Maria da Penha, mas continuam agredindo ou maltratando mulheres. Costumo falar para os alunos “é aprender direito para poder viver direito””, completa.

Segundo Podenciano, em cada unidade que leciona, ele cria uma atlética e faz eventos de integrações entre os alunos, para que todos possam sair um pouco das suas bolhas sociais e até mesmo desenvolver uma maior empatia com o próximo.

Em tempos difíceis, como os atuais, se reinventar e inovar foi essencial para o advogado. “Para dar continuidade as aulas e para que o projeto continuasse em evidência durante a pandemia (e até mesmo para que mais pessoas conhecessem meu trabalho e eu pudesse levar ele a novos horizontes) acabei descobrindo uma nova profissão: a de youtuber. Só que dessa vez eu precisava criar algo mais atrativo e dinâmico, pois por mais que o conteúdo fosse voltado para o teen, muitos pais, amigos e familiares de alunos também assistiriam os vídeos”, acrescenta.

“A partir disso tive a ideia de fazer vídeos de Direito com referências a ícones pop, pois isso facilitaria ainda mais a compreensão do conteúdo. Acabei transformando as aulas em uma espécie de programa para o YouTube, que tem conhecimento e ao mesmo tempo entretenimento”, conta Podenciano.

Dentre as aulas que ele criou, estão as de violência doméstica e Lei Maria da Penha, na qual a temática foi Rebelde/RBD. “Toda a temática do cenário foi relacionada à novela. Além de explicar o conteúdo legislativo, chamei uma psicóloga para comentar algumas cenas de relacionamentos tóxicos e abusivos presentes na novela e algumas letras do RBD que envolvesse o tema de alguma forma também. Além disso, entrei em contato com as covers brasileiras da Anahí, Dulce Maria e Maite Perroni (integrantes do grupo) para cantarem comigo uma paródia de minha autoria da música “Rebelde” que fala sobre violência doméstica, e elas toparam na hora”, comemora.

Veja uma das aulas com paródia da novela Rebelde:

O canal dele no YouTube também já tem uma aula de Estatuto do Idoso com a temática Chapolin, e um programa de integração dos alunos do projeto inspirado nos programas infantis dos anos 90, como Xuxa Park, Eliana no Parque e Passa ou Repassa.

%d blogueiros gostam disto: