“O Guia dos Curiosos” ganha edição comemorativa e toda colorida aos 25 anos

O guia dos curiosos, almanaque com informações úteis e inúteis, escrito pelo jornalista Marcelo Duarte, comemorou 25 anos em 2020. O livro, que faz parte da memória afetiva de algumas gerações, virou uma coleção já com nove títulos. Por causa da pandemia, a edição comemorativa teve que esperar um pouco para sair. Agora, aos 26 anos, O guia dos curiosos – Edição Fora de Série acaba de ser lançado pela Panda Books. Por que “Edição Fora de Série”? O próprio Marcelo explica: “Depois do livro de estreia, a série começou a ganhar volumes temáticos: Esportes, Invenções, Brasil, Língua Portuguesa, Jogos Olímpicos, Sexo, Curiosas e Copas do Mundo. A nova edição volta às origens, com curiosidades de diferentes temas”.

O autor elegeu 18 temas que poderão ganhar, no futuro, guias próprios. Os capítulos são: Cinema; Futebol; Nojeiras e Bizarrices; Dinheiro; Dinossauros; Línguas; Cultura Pop; Heróis; Música; Datas e Festas; Comidas; Religiões; Carros; HQs e Desenhos Animados; Tecnologia; Grandes Guerras; Mundo; e Esportes Americanos.

“Fora de série” também porque, pela primeira vez, O guia dos curiosos sai com uma edição totalmente colorida. A nova logomarca e o projeto gráfico são assinados pelos premiados designers Gustavo Piqueira e Samia Jacintho, da Casa Rex. 

Por ser uma edição comemorativa, o autor usou toda a primeira parte de O guia dos curiosos – Edição Fora de Série para fazer um mergulho nas memórias dos bastidores da coleção. Marcelo conta como a ideia surgiu, quais foram os grandes (e os mais engraçados) desafios da pesquisa e como a marca começou a se multiplicar. 

“Para vender a ideia do livro para a Companhia das Letras, enviei uma carta (carta mesmo, não havia e-mail e não sonhávamos com o WhatsApp) no começo de 1994 para o editor Luiz Schwarcz, que começava com três perguntas curiosas: ‘Qual é o tamanho do pescoço de uma girafa?’, ‘Quantos degraus tinha a forca de Tiradentes?’ e ‘Qual é a velocidade de um espirro?’. Em seguida, a carta discorria sobre a minha ideia. Duas semanas depois, ele me convidou pelo telefone para uma conversa. A editora ficava na rua Tupi, no bairro do Pacaembu, em São Paulo. Combinamos que eu teria um ano para escrever o livro. E como esse ano passou depressa!”

Uma das melhores histórias veio de O guia dos curiosos – Brasil, lançado em 2000, e mostra a obsessão atrás de uma curiosidade. Uma resposta a uma dúvida que aparece agora na nova edição, 22 anos depois: “Quando estava escrevendo ‘O guia dos curiosos – Brasil’, descobri que o ator inglês Stan Laurel, o Magro da dupla O Gordo e o Magro, havia lutado com os pracinhas brasileiros em Monte Castello, na Itália, na Segunda Guerra Mundial. Ele era responsável pela ‘fábrica de fumaça’, uma engenhoca que mantinha o local da batalha sempre nublado. Com essa informação em mãos, tive a ideia de colocar o peso dos dois no livro. Pesquisei, pesquisei, pesquisei e só encontrei o peso do Gordo. Pedi ajuda até para a Biblioteca do Congresso de Washington, nos Estados Unidos, sem resultado. Anos depois, eis que a informação aparece. No auge da fama, o americano Oliver Hardy, o Gordo, pesava 127 quilos e media 1,85 metro. Stan Laurel  tinha 52 quilos e 1,73 metro.”

O guia dos curiosos foi lançado em 10 de maio de 1995, na Livraria da Vila, no bairro de Vila Madalena. Foram vendidos naquela noite 116 exemplares. Nesses 25 anos, os nove títulos da coleção somam uma venda de 700 mil exemplares.

O que não mudou em O guia dos curiosos – Edição Fora de Série são as surpresas e as descobertas que Marcelo vai revelando em cada uma das 288 páginas. São curiosidades que talvez nunca tenham passado por sua cabeça. Ou até que já passaram e você não encontrou ninguém para respondê-las. Curiosidades que irão diverti-lo e informá-lo ao mesmo tempo. 

Ah, com O guia dos curiosos, nenhuma pergunta fica sem resposta:
• O pescoço de uma girafa chega a medir 3 metros.
• A forca de Tiradentes tinha 21 degraus.
• Um espirro pode viajar a 160 km/h.

Marcelo Duarte nasceu em São Paulo em 31 de outubro de 1964. É jornalista e curador de curiosidades. Publicou dezenas de livros para leitores de todas as idades. Esta nova edição de O guia dos curiosos é o décimo volume da coleção.

%d blogueiros gostam disto: