Donatto lança “Hype”, em parceria com PK e Guiggow; confira entrevista

Ele é o nome por trás de vários sucessos do mundo pop e, apesar da pouca idade, já compôs para Anitta, Buchecha, Ludmilla, Belo, entre outros. O cantor, compositor e multi-instrumentista Donatto, de apenas 18 anos, não se apega a somente um estilo musical. Nesta sexta-feira (3), ele apresenta seu mais novo single, intitulado “Hype”, uma mistura de rap e hip-hop. Com a participação dos artistas amigos PK e Guiggow, a faixa ganhou um videoclipe dirigido por Daniel Ferro.

“Eu e PK trabalhamos juntos pela primeira vez, em 2019, em ‘Indomável’. Foi uma experiência nova, totalmente diferente e foi incrível. Desde então, fizemos muitas coisas em parceria, por exemplo, os arranjos de ‘Quando a Vontade Bater’, e outras obras, como ‘Vem e Abusa’. Começamos a criar um vínculo profissional e, hoje em dia, a gente tem faixas juntos”, diz Donatto.

Curitibano radicado no Rio de Janeiro, Donatto acumula no currículo inúmeras letras gravadas nas vozes dos mais variados artistas. Graças à sua versatilidade e criatividade, ele consegue inovar suas composições ao misturar estilos musicais diferentes. Do pop, passando pelo rap e indo até o funk, Donatto consegue, com facilidade, passear e brincar com diversos gêneros e ritmos. Sua maior afinidade com o pop, entretanto, o fez ser considerado uma das novas apostas e grandes promessas do gênero.

O Caderno Pop entrevistou pela segunda vez o Donatto, que falou sobre a nova fase da carreira. Confira:

Oi, Donatto! Já faz cinco meses que a gente fez nossa primeira entrevista e de lá pra cá você lançou algumas faixas. Na época você tava trabalhando o “Mixtape” e ainda não sabia se ia lançar um novo EP ou singles, mas acabou rolando a segunda opção. Enfim, foi seu primeiro trabalho lançado por gravadora, te deu uma projeção maior ainda, como que têm sido esses cinco meses?

Para ser bem sincero, eu não esperava a repercussão de “Só Você” e quando ela andou bem e bateu o primeiro em alta do YouTube eu automaticamente não acreditei. Hoje em dia estou trabalhando “Hype” e já ansioso para as próximas obras. Tem muita música nova chegando!

Quando a gente fez aquela primeira entrevista, você tinha se mudado fazia pouco tempo de Curitiba pro Rio de Janeiro. Já deu pra se acostumar com a cidade, praia, com a vida em uma cidade diferente? O que você mais tem curtido por aí?

Eu amo o Rio, tanto o clima, quanto as pessoas que convivo e amo o poder de sentir a natureza perto de mim!

Agora você tá divulgando “Hype”, com o PK e Guiggow. A letra fala sobre todas amigas que querem chamar no Skype, bem de acordo com a situação que a gente tá vivendo atualmente, com o isolamento social. O que você tem feito nesses últimos dias? Aproveitando pra compor, produzir, descansar?

Estou podendo descansar bem, algo que eu estava precisando, e estou compondo muito ultimamente, ando bem inspirado hahaha.

Ainda no “Hype”, você já tinha trabalhado com o PK anteriormente, então é uma parceria já de alguma data. Com o Guiggow foi a primeira parceria?

Eu e o Guiggow temos uma parceria de longa data, temos mais de 30 músicas juntos hahaha Ele é um irmão pra mim e amo a energia de composição que rola entre eu e ele.

Dessa quarentena, já tem alguma coisa que deve sair nos próximos dias? Consegue adiantar pra gente?

Fiz umas músicas sinceras e que me marcaram muito durante essa quarentena, então pode sim sair logo logo, só depende do Betin (Umberto Tavares) hahahaha.

Assista “Hype”:

%d blogueiros gostam disto: